Aplicando o Givers Gain nos negócios

Aplicando o Givers Gain nos negócios

Aplicando o Givers Gain nos negócios

O Givers Gain não é apenas uma ótima maneira de conseguir negócios, mas é uma maneira ainda melhor de fazer negócios. É por isso que o BNI fez do Givers Gain o seu principal valor dentro da Organização.

Dar tem muitas diferenças culturais e legais ao redor do mundo. Em algumas culturas, dar é visto de uma forma negativa, embora seja uma força muito positiva na sociedade, e isso pode ser aplicado em todos os negócios, independentemente do local ou da cultura que esteja inserido.

A Filosofia do Givers Gain

O que é importante nos atos de dar é a nossa motivação. Aqui está uma lista de algumas motivações que se encaixam na filosofia do Givers Gain® e nos ajuda a manter a mente clara sobre nossas motivações quando damos.

1. Damos porque entendemos que em uma comunidade, o que fazemos, outros também farão e todos nós nos beneficiamos.

2. Damos porque sabemos que, na mesma situação, outros fariam o mesmo por nós.

3. Damos porque queremos retribuir onde lucramos antes.

4. Damos porque quando trabalhamos juntos, obtemos resultados maiores e melhores do que quando trabalhamos por conta própria.

5. Damos porque gostamos.

Ter uma motivação ética é a chave para dar. Você sempre pode dar uma vez e justificar sua motivação, mas dar constantemente requer uma motivação que seja entendida não apenas por você, mas também pelas pessoas que estão ao seu redor. A adoção de uma ou mais destas motivações acima o ajudará a se manter fundamentado em sua motivação.

Aqui estão alguns exemplos de onde doar nos negócios mudou

vidas.

Allen é um agente imobiliário em Orange County, Califórnia, EUA.

Ao longo de 2009 e 2010, Allen se reuniu com o máximo de empresários que ele pôde, usando sua rede de networking para encontrar essas pessoas e marcar reunião com elas. Eles não eram apenas de seu grupo BNI local, mas eram membros de toda a região. Quanto mais pessoas ele conhecia, mais ele era capaz de se tornar um super conector para a comunidade empresarial local. Ele estava gerando uma quantidade enorme de negócios para a economia local, simplesmente fazendo conexões e passando referências. Ele até ganhou prêmios por isso e se tornou a estrela de seu grupo. Ele foi reconhecido como membro com mais reuniões de um-a-um, e também passou o maior número de referências. Allen se concentrou em construir relacionamentos e, uma vez que estava convencido de que havia encontrado uma boa oportunidade de negócio para seus dois contatos, costumava telefonar para o contato na hora e colocá-los juntos, criando assim uma apresentação poderosa com muito mais probabilidade de gerar negócios.

Quando questionado sobre como toda essa atividade afetou seu negócio em um momento ruim para o mercado imobiliário, ele disse: “Estou completando o melhor ano em meus 26 anos de carreira. Tive um ótimo ano.”

 

Dar nos negócios, como na vida, funciona de muitas maneiras diferentes. Aqui

está outro exemplo.

David é gestor de um negócio fantástico de impressão. Ele oferece um serviço brilhante, com um bom valor e entrega no prazo prometido, se não antes. Se você tentar alguma vez fazer um elogio, ele irá sorrir de maneira tímida e dará uma explicação de que estava apenas “fazendo seu trabalho”.

Na mesma rua de onde está localizada sua empresa, fica o maior hotel da área, para o qual, é claro, ele é um fornecedor confiável. Depois de entregar um pedido difícil em um prazo particularmente curto, o gerente do hotel, mostrando sua gratidão, ofereceu a David uma refeição para dois no restaurante do hotel como uma forma de agradecer.

David agradeceu seu cliente, recusou gentilmente a oferta e, em vez disso, pediu outra coisa – que eles atendessem a ligação de um outro cliente seu, uma designer comercial e gerente de projeto chamada Suzanne. Suzanne havia pedido ajuda recentemente, e David, sendo um fornecedor dela, decidiu usar essa oportunidade para obter essa apresentação que ela precisava para a sua empresa.

A apresentação foi feita, o negócio foi fechado e os dois clientes de David ficaram felizes.

No verdadeiro espírito de doação, a receita adicional permitiu que Suzanne assumisse projetos de desenvolvimento maiores, para os quais David, agora imprime. Os subcontratados locais que são usados nestes projetos aumentaram a receita e agora procuram David quando precisam de seus produtos e, devido à qualidade de seu trabalho e produtos, tornam-se embaixadores e referências de seu negócio.

David é altruísta, humilde e um excelente networker porque adota os princípios do Givers Gain. O ciclo de doação continua beneficiando-o e todos que estão ao seu redor.

O Ato de Dar muda vidas

Atos de doação podem ser poderosos nos negócios, independentemente do tamanho. Podemos dar muitas coisas. Aqui está uma lista dos tipos de doações que causam um impacto real na comunidade empresarial.

1. Dê uma oportunidade de referência entre duas outras empresas que você

conhece – talvez entre um fornecedor e um cliente seu.

2. Ofereça orientação a uma empresa que precisa de sua experiência.

3. Ofereça o seu conhecimento aos grupos empresariais locais.

4. Ajude os grupos locais de educação e os jovens da comunidade.

5. Ajude os mais velhos da comunidade.

Toda essa atividade de dar é parte de um ecossistema que voltará e beneficiará você e todos aqueles de quem você gosta de uma forma positiva. E você escolhe como praticar o Givers Gain certo para o seu negócio. Depois de assumir o compromisso de usar o poder do Givers Gain para impulsionar seus negócios, o sucesso virá em seguida.

Quanto mais o Givers Gain acontece, mais energia pode ser dada a questões sociais globais importantes, como as mudanças climáticas e a sustentabilidade do nosso planeta. A doação infinita nos permite focar no quadro maior. O quadro geral é viver em um mundo de abundância, onde os recursos são abundantes e a luta da vida não é uma contra a outra. Em vez disso, é contra o sofrimento e a escassez.

—————————————————————————————————————————

TEXTO ORIGINAL

Quer fazer parte do BNI Brasil e ser exclusivo em sua categoria profissional? Agende uma visita!

#BNI #bnibrasil #BNIGobal #business networking

3 Comments

Post Comment